Comercialização da Agricultura Familiar na Expointer bate record de vendas

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 28 de agosto de 2017


O balanço divulgado nesta segunda-feira (28) mostra que as vendas de sábado (26) e domingo (27) somaram R$ 544,5 mil, valor 14,8% superior ao faturado no mesmo período do ano passado

Escrito por: Assessoria de Comunicação da CONTRAF BRASIL / Ascom SEAD

Agricultores e Agricultoras Familiares da Fetraf do Rio Grande do Sul que participam da 19ª da Expointer, conseguem superar o record de vendas do ano passado. O evento acontece desde o dia 26 de agosto e vai até 3 de setembro.

“Essa é minha primeira vez na feira. Estou vendendo produtos bem diversificados da agricultura familiar de toda a região de Sarandi. Temos aqui salame, queijo, produtos panificados, sucos entre outros. As pessoas apesar da crise estão comprando bastante nossos produtos e acredito que isso vem da qualidade do que vendemos, de como produzimos os alimentos”, destaca Janete Schewede, agricultora familiar.

De acordo com o balanço divulgado nesta segunda-feira (28) pela Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), as vendas de sábado (26) e domingo (27) somaram R$ 544,5 mil, valor 14,8% superior ao faturado no mesmo período do ano passado.

O Pavilhão da Agricultura Familiar apresenta a produção de 201 empreendimentos familiares, que congregam o trabalho de 1.340 famílias, oriundas de 118 municípios gaúchos. Os empreendimentos familiares estão dispostos em 198 espaços (145 agroindústrias familiares, 47 expositores de artesanato rural e indígena, plantas e flores e seis empreendimentos do estado de Minas Gerais), além de quatro cozinhas.

O local valoriza as agroindústrias gaúchas incluídas no Programa Estadual de Agroindústria Familiar (Peaf). Para participar da Expointer, além de estarem no Peaf, os empreendimentos selecionados passam por uma avaliação de condições de legalidade tributária, sanitária e ambiental. Outros critérios para seleção são usados, como produção de matéria-prima, empreendimentos gerenciados por mulheres ou jovens, quilombolas, indígenas, pescadores artesanais, extrativistas e silvicultores, produção orgânica certificada e produtos diferenciados.

A Expointer, a maior feira de animais, implementos e produtos agrícolas a céu aberto da América Latina.


LINKS ÚTEIS