Author Archives: Assessoria de Imprensa

Formação do coletivo de mulheres do SUTRAF-AU

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 24 de abril de 2018


O coletivo regional de mulheres do SUTRAF-AU estará desenvolvendo durante o ano um curso de formação em 4 etapas com o coletivo. A abertura do curso, e primeira etapa, está ocorrendo hoje e amanhã, no Seminário Nossa Senhora de Fátima, em Erechim.

O tema da primeira etapa é “A participação social da mulher e o sindicalismo”, com assessoria do Professor Mestre e Doutorando Anacleto Zanella.

Confira os registros fotográficos desse início de atividade:

4º Jantar do Peixe de Ibiaçá aconteceu dia 20 de abril

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 23 de abril de 2018


O quarto Jantar do Peixe do município de Ibiaçá aconteceu no dia 20 de abril de 2018, última sexta-feira, às 20h30, no Salão Paroquial, contando com animação da banda 3×4. O objetivo da atividade, desde a primeira edição do Jantar e que vem se aperfeiçoando a cada ano, é de incentivar o consumo e a produção da carne de peixe, e também dos produtos da Agricultura Familiar.

O cardápio do Jantar do Peixe foi lasanha, salpicão, peixe grelhado, peixe frito, arroz, purê de mandioca, polenta, pão, entrevero de pinhão, saladas diversas, sobremesas diversas, vinho tinto, vinho branco e sucos naturais – tudo incluso no valor do ingresso! Salientamos que 45% do lucro do jantar vai pra Fundação Hospitalar, 45% são revertidos para o Sintraf ibiaçá e 10% serão utilizados na compra de alevinos distribuídos nos rios do município.

Contando com a presença de autoridades a nível municipal e estadual, inclusive do Coordenador Geral da Fetraf-RS, Rui Valença, e das soberanas e corte da 3ª idade do município, o evento foi promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores na Agricultura Familiar de Ibiaçá com apoio da Prefeitura Municipal de Ibiaçá, da Emater, da Cofilme, da Câmara Municipal de Vereadores de Ibiaçá, da Paróquia Nossa Senhora Consoladora, da Colate, da Fundação Hospitalar de Ibiaçá, do Grupo de Feirantes, do Comap, da Rádio Cristalina e da Rádio Comunitária Ibiaçá FM.

O Coordenador do Sintraf Ibiaçá, Nilvo Cecchin, deixa seu agradecimento e suas percepções:

“Queremos agradecer ao pessoal que produziu e cuidou dos peixes durante um bom período e forneceu o alimento básico do 4º Jantar do Peixe; agradecer também às entidades que ajudaram na organização e na divulgação, e também na venda dos ingressos para a ocasião – faço um agradecimento principalmente às pessoas que dedicaram vários dias de trabalho para prepararem o Jantar para que tivesse o êxito/sucesso que teve, pois já recebemos vários e vários elogios de que foi um Jantar muito bem organizado e servido para a população que compareceu. Foram mais de 500kg de peixe, além de muito suco, vinho, pinhão, mandioca e demais produtos da Agricultura Familiar que foram comercializados direto com os agricultores para fazermos esse Jantar, que tem como objetivo principal incentivar a produção dentro do nosso município”.

 

Confira as fotos da Rádio Cristalina FM:

Confira também registros pessoais de quem fez o jantar acontecer, desde a cozinha:

Feira da Agricultura Familiar em Ibiraiaras

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 20 de abril de 2018


GRUPO DE AGRICULTORES E AGRICULTORAS FAMILIARES (GAAF).
Teve início dia 14 de abril de 2018 na sede do Sindicato dos Trabalhadores na Agricultura Familiar de Ibiraiaras a Feira da Agricultura Familiar que acontece todos os sábados das 8h às 10h30min. Os feirantes  são 09 famílias que colocam seus  produtos oriundos de suas pequenas propriedades. Faz parte também o Centro de Prevenção Bruxinhas a Serviço da Vida com os Fitoterápicos.
 O Sintraf informa que a abertura do dia 14 foi um sucesso, muitos consumidores prestigiando e gostando da ideia.
O Sintraf esclarece que somente ajuda na organização, e cede o espaço no local. Cada produtor vende o seu produto.

SUTRAF-AU promove assembleia com associados

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 20 de abril de 2018


Prestação de contas e plano de trabalho foram apresentadas no encontro
O Sindicato Unificado dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Alto Uruguai (SUTRAF-AU), promoveu no dia 19 de abril, no Salão da Comunidade Km 10, Dourado, interior de Erechim, uma assembleia ordinária para prestação de contas, apresentação da previsão orçamentária, relatório de atividades e do plano de trabalho anual do Sindicato.
O evento é uma das principais atividades promovidas durante o ano pelo SUTRAF, contando com a participação dos associados de todo o Alto Uruguai. Conforme o coordenador geral do SUTRAF-AU, Douglas Cenci, a prestação de contas de 2017 do sindicato foi aprovada, assim como o plano de trabalho para 2018. “ O plano de trabalho aponta para temas centrais, como a manutenção dos direitos, a luta pela permanência das políticas públicas de incentivo à agricultura familiar, a luta pela democracia, o fortalecimento da nossa organização dos agricultores familiares, e junto com isso a luta pela liberdade do ex-presidente Lula”, destacou Cenci.
No debate promovido pela assembleia, o entendimento dos associados é de que a luta pela liberdade de Lula, assim como as eleições de 2018 para deputados, senadores e governador, são importantes para a agricultura familiar. “As eleições vão definir o rumo que o Brasil e que o estado vão tomar. Eleger deputados comprometidos, independentemente de partido, significa ter apoio para agricultura familiar em uma possível Reforma da Previdência e no combate à retirada de recursos. Em 2018, esta será a lógica do sindicato: lutar por políticas públicas que melhorem a qualidade de vida dos agricultores, e também pelo conjunto mais geral dos direitos e liberdade do presidente Lula”, disse.
Os associados também fizeram uma análise da atual conjuntura do país que, segundo Cenci, aponta para um momento difícil para os pobres e para a agricultura familiar, que têm dificuldades de serem valorizados no Brasil.
A assembleia também foi marcada por um momento de emoção, já que neste ano de 2018 o SUTRAF-AU comemora 15 anos de atuação. Dessa forma, os ex-coordenadores do Sindicato, Rui Alberto Valença, Eloir José Griseli, Ari José Pertuzatti e Adilson Luis Baroni, foram homenageados por seu trabalho e contribuição para o desenvolvimento do Sindicato Unificado dos Trabalhadores da Agricultura Familiar.
Fotos: Divulgação
Assessoria de Imprensa
Sindicato Unificado dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Alto Uruguai – SUTRAF-AU 

SUTRAF-AU promove assembleia com associados

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 20 de abril de 2018


Prestação de contas e plano de trabalho foram apresentadas no encontro

O Sindicato Unificado dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Alto Uruguai (SUTRAF-AU), promoveu no dia 19 de abril, no Salão da Comunidade Km 10, Dourado, interior de Erechim, uma assembleia ordinária para prestação de contas, apresentação da previsão orçamentária, relatório de atividades e do plano de trabalho anual do Sindicato.

O evento que é uma das principais atividades promovidas durante o ano pelo SUTRAF contando com a participação dos associados de todo o Alto Uruguai. Conforme o coordenador geral do SUTRAF-AU, Douglas Cenci, a prestação de contas de 2017 do sindicato foi aprovada, assim como o plano de trabalho para 2018. “ O plano de trabalho aponta para temas centrais, como a manutenção dos direitos, a luta pela permanência das políticas públicas de incentivo a agricultura familiar, a luta pela democracia, fortalecimento da nossa organização dos agricultores familiares, junto com isso a luta pela liberdade do ex-presidente Lula”, destacou Cenci.

No debate promovido pela assembleia, o entendimento dos associados é que a luta pela liberdade de Lula assim como as eleições de 2018 para deputados, senadores, governador são importantes para agricultura familiar. “As eleições vão definir o rumo que o Brasil e que o estado vai tomar. Eleger deputados comprometidos, independentemente de partido, significa ter apoio para agricultura familiar em uma possível Reforma da Previdência e no combate a retirada de recursos. Em 2018 esta será a lógica do sindicato, lutar por políticas públicas que melhorem a qualidade de vida dos agricultores e também pelo conjunto mais geral dos direitos e liberdade do presidente Lula”, disse.

Os associados também fizeram uma análise da atual conjuntura do país, que segundo Cenci, aponta para um momento difícil, para os pobres e para agricultura familiar que tem dificuldades de serem valorizados no Brasil.

A assembleia também marcada por um momento de emoção, já que neste ano de 2018 o SUTRAF-AU comemora 15 anos de atuação, dessa forma os ex-coordenadores do Sindicato, Rui Alberto Valença, Eloir José Griseli, Ari José Pertuzatti e Adilson Luis Baroni foram homenageados por seu trabalho e contribuição para o desenvolvimento do Sindicato Unificado dos Trabalhadores da Agricultura Familiar.

 

11 de abril: FETRAF-RS participa de mobilizações em dia de luta

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 11 de abril de 2018


Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Rio Grande do Sul participa de três mobilizações em todo o estado em Dia Nacional de Luta em defesa da democracia e de Lula

 Um dia marcado para os cidadãos que acreditam em democracia e que pedem a liberdade do ex-presidente Lula. Nesta quarta-feira, 11 de abril, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Rio Grande do Sul (FETRAF-RS), participa de mobilizações no Dia Nacional de Luta em todo o Brasil em defesa da democracia e de Lula livre.

Por volta das 8h30min agricultores familiares do Sindicato Unificados dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (SUTRAF-AU), ligado a FETRAF-RS, se reuniram no km 1 da BR 153, bloqueando a rodovia que liga o RS a Santa Catarina. De acordo com coordenador geral da FETRAF-RS, Rui Alberto Valença, aproximadamente 300 pessoas participam do ato que reúne também trabalhadores ligados a sindicatos urbanos e estudantes. “Nosso objetivo é fazer a denúncia da ameaça que a democracia está sofrendo com vários ataques a partir do golpe de 2016 que culminou com o impeachment de Dilma, aonde rompeu-se um estado democrático no país. O último acontecimento foi a prisão do ex-presidente Lula, que é ilegal, pois o Lula ainda tem várias possibilidades de recursos, e a nossa Constituição prevê que a execução da pena deve ser somente de transitado e julgado até a última instância, direito que não está sendo respeitado”, disse.

A FETRAF-RS está participando de três atos em todo o Rio Grande do Sul, além da mobilização no Alto Uruguai, agricultores familiares participam de mobilização na ponte que liga o município de Sananduva a Campos Novos/SC e na ERS 406, trevo de acesso ao município de Planalto, estrada que liga a cidade a Chapecó/SC.

 

Fotos: Divulgação

 

 

 

FETRAF-RS participa de mobilizações no Dia Nacional de Luta em todo o Brasil em defesa da democracia e de Lula livre

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 10 de abril de 2018


Nesta quarta-feira, 11 de abril, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Rio Grande do Sul (FETRAF-RS), participa de mobilizações no Dia Nacional de Luta em todo o Brasil em defesa da democracia e de Lula livre.

A FETRAF-RS estará participando de três atos em todo o Rio Grande do Sul. No Alto Uruguai a mobilização ocorrerá na ponte que liga o município de Marcelino Ramos à Concórdia; outra ação acontecerá na ponte que liga o município de Sananduva a Campos Novos/SC; e a terceira mobilização será na ERS 406, trevo de acesso ao município de Planalto, estrada que liga a cidade a Chapecó/SC.

De acordo com o coordenador geral da FETRAF-RS, Rui Alberto Valença, o objetivo do ato é em defesa da democracia. “Nossa democracia é muito jovem e está nesse momento sendo muito ameaçada. Isso acontece quando se quer fazer uma Reforma da Previdência a força, tirando os direitos da agricultura familiar, quando se faz uma Reforma Trabalhista tirando todos os direitos conquistados nos últimos 70 anos dos trabalhadores. Compromete a democracia quando temos um legislativo, executivo e judiciário enrolados em corrupção, quando temos uma justiça que não respeita os atos constitucionais, que prende as pessoas sem estar condenadas, não permitindo o direito da ampla defesa, a exemplo disso temos essa prisão injusta e arbitrária de Lula”, disse.

Ainda conforme Valença, a mobilização é pacífica, assim como sempre foram os atos dos agricultores familiares. No Alto Uruguai a mobilização está programada para iniciar a partir das 8h30min.  “Convidamos todas as pessoas que estão preocupadas com a nossa situação política, econômica e social a participarem”, finalizou.

 

Nota de repúdio à prisão de Lula

Por Assessoria de Imprensa
Publicada em 9 de abril de 2018


A Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Rio Grande do Sul (FETRAF-RS) sempre esteve ao lado da democracia e vem a público manifestar sua indignação e repúdio contra a prisão de Lula.

A decretação da prisão do ex-presidente Lula, pelo juiz federal Sergio Moro, em tempo recorde, sem nem mesmo a finalização do processo no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, evidencia que estamos diante de mais uma etapa do golpe.

Os agricultores e agricultoras familiares lamentam e repudiam a condenação em segunda instância de Lula, pois a situação fere a presunção de inocência, direito que garante a todos a inocência até que se prove o contrário.

Acreditamos que a democracia não existe sem justiça, por isso conclamamos a todos a lutarem juntos contra o golpe e a perseguição política na qual o ex-presidente Lula vem sofrendo.

 

Coordenação Geral/ FETRAF-RS